23
Aug.
2016
2016-08-23
Projeto Ilha da Graciosa

Esta central fotovoltaica integrou o “Projeto Younicos – Parque Eólico de 4.5MW, Parque Fotovoltaico de 1MW e central de armazenamento de energia de 4.35MW, para abastecimento da rede pública da ilha Graciosa.

Este projeto caracteriza-se pela sua especificidade, visto ser o pioneiro a nível mundial com esta filosofia de produção, armazenamento e distribuição de energia, tendo como fontes primárias na produção as energias renováveis.

Tendo os sistemas de produção / consumos como característica principal o facto de serem dinâmicos e diretamente proporcionais, ou seja, a produção de energia ocorre sempre em função da existência de consumos num determinado momento, a inexistência de formas de armazenamento economicamente viáveis – a não ser pela retenção de grandes massas de água nas albufeiras – torna o sistema oneroso ao nível do mantimento deste standby que permite a resposta imediata das centrais produtoras de energia atuais, nomeadamente energia termoelétrica. Numa altura em que o “storage” está cada vez mais na ordem do dia, aumenta a relevância deste projeto, e é motivo de orgulho para a dstsolar ser parte integrante dele.

Em termos gerais, esta unidade de produção caracteriza-se pela instalação de 4000 módulos fotovoltaicos de 250W de potência unitária, distribuição espacial em terreno com recurso a estruturas metálicas de fixação em angulo de 30º por estacamento direto ao solo.

Em termos topológicos, esta unidade de produção é do tipo descentralizado (40 inversores de 25kW instalados junto dos módulos fotovoltaicos), o que obriga, em termos de eletrificação, ao agrupamento de inversores para colmatar as perdas inerentes ao transporte de energia por efeito das correntes de trabalho muito altas, em caso de agrupamento do lado DC. Neste caso específico, foram criados grupos de 4 inversores, com potência total de 100kW, perfazendo um total de 10 circuitos de 100kW, ligados diretamente ao Quadro Geral dos Inversores, localizado no Posto de Transformação 0.4/15kV-1MVA, instalado especificamente para elevar o nível de tensão da central fotovoltaica para o nível de tensão uniformizado no ponto de interligação do Bank Power Plant (BPP – Central de Baterias).

Sendo este um projeto para fornecimento de energia à Rede Elétrica de Serviço Público da ilha Graciosa, com a já referida característica de a produção acontecer sempre em função dos consumos num determinado momento, e apesar de existir um sistema de armazenamento de energia através de baterias, poderá a dado momento, em que a equação da soma das produções das diferentes tecnologias excede o nível de armazenamento – tendo como objetivo as necessidades da RESP –, ser necessário provocar uma redução da produção da central fotovoltaica.

Nesse pressuposto, a central fotovoltaica está equipada com um sistema designado por Cluster Controller,que permite através de input enviado da supervisão centralizada, definir a percentagem e /ou potência que deverá ser fornecida pela central fotovoltaica ao BPP.

Ao nível de previsões de produção – resultados obtidos através de modelo matemático –, aponta-se para uma produção efetiva de cerca de 1.322MWh/ano, com uma energia específica de 1.32kWh/kWp, evitando a emissão de aproximadamente 621 ton de CO2, com um PR de 86,5%.